quinta-feira, 14 de junho de 2012

Nem tudo é alegria

Em um final de semana quando tudo dá certo, nunca imaginamos quanta coisa poderia ter dado errado. Há quem diga que uma reta é uma distância confortável para se manter do seu oponente, mas isto quando se dá uma errada na pista, eu diria até uma rodada, mas e quando acontece de furar um pneu? Infelizmente não são todos que dispõe de uma ferramente muito importante nestas horas, como uma pistola pneumática (como aquelas utilizadas principalmente na F-1 ou Indy). Resta pegar a chave de roda, macaco e correr pra não perder TANTO tempo, porque perder, é inevitável.
 Aqui um dos "azarados" foi o Vanderlei Mendonça. Aliás, dois, e o pior, os dois irmãos, Vanderlei e Valdinei Mendonça.
 Marcos Voznika com o pneu furado e ali atrás Valdinei Mendonça com o capô aberto...
 ...perdendo um tempo com a famosa chave de roda.
 E aqui Hilário Kava. E pra quem pensa que está tudo ganho, mesmo após ter feito uma ótima classificação, ganhado a primeira bateria, e estar liderando com folga a segunda bateria, o motor "resolve" estourar. Mas isto não foi de graça... 
...foi consequência de um suporte da caixa quebrado. Com isto, a quarta marcha não engatava, uma vez que a caixa se deslocou, o que dificultou a entrada marcha, e andando apenas com a terceira, logicamente o shift light andava aceso o tempo inteiro. Resultado, estouro do motor.

3 comentários:

Fabiani C Gargioni #27 disse...

Tá coberto de razão Deivicris, em São Bento eu vinha bem depois de ter passado o sábado inteiro nos boxes e largado em último e faltando 5 min pra terminar a bateria o 147 resolve cortar a ignição de vez e lá se foi meu troféu de quarto ou quinto, uma pena mas corrida é isso mesmo!!!

Tito Morestoni disse...

Ano passado em Joaçaba, na curva nova, fui fazer ela um pouco mais forte que o normal e acabei saindo um pouco do trilho, com isso deslizei mais para fora e encostei na beirada da pista, aonde tem aquele monte de terra acumulada e acertei uma baita de uma pedra... tive que dar uma volta toda, parar no box e trocar o pneu... tinhas que ter visto a velocidade que os rapazes trocaram o pneu! Não sei quanto tempo levaram, mas na hora lembrei das trocas de pneu da Nascar, nas devidas proporções de tempo e maquinário, mas teve direito a saída de box com fritada de pneu e tudo!! kkkkk

Deivicris de Cristo disse...

Hein Tito, foi mais ou menos assim?
http://www.youtube.com/watch?v=iuu8KR4AB5o
Este é o sonho de todo o piloto.